Pular para o conteúdo principal

Tratoraço ou Bolsolão? Escândalo do governo some em meio à CPI

Imagem
Arquivo de Imagem
Imagem do site Recontaai.com.br

Escândalo que envolve orçamento secreto de R$ 3 bi a parlamentares escolhidos por Bolsonaro, o "tratoraço", pode levar à impeachment

O escândalo do possível orçamento secreto da presidência destinado a parlamentares da base governista foi encoberto pelas polêmicas da CPI da Covid. Contudo, a investigação segue e caso a presidência seja realmente incriminada, pode levar ao impeachment do presidente Bolsonaro.

Faça parte do nosso canal Telegram.
Siga a página do Reconta Aí no Instagram.
Siga a página do Reconta Aí no Facebook.
Adicione o WhatsApp do Reconta Aí para receber nossas informações.
Siga a página do Reconta Aí no Linkedin

A última cartada desse jogo foi dada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) ontem (28). O TCU deu cinco dias para que o Planalto entregue papéis secretos relativos ao tratoraço.

Após o anúncio do Tribunal, os parlamentares do PSOL reforçaram, via aditamento, a solicitação para que o Ministério Público Federal (MPF) também abra investigação. Para isso, os parlamentares pedem que o MPF requeira tanto os documentos produzidos pelo TCU, quanto as manifestações dadas pelo Governo Federal.

"A rejeição de contas pelo Tribunal pode levantar bases para um possível processo de impeachment do presidente", informou a assessoria do partido.

"É inadmissível que na pior crise sanitária, social e econômica do mundo, com a população brasileira morrendo de fome, de Covid-19 e de tiro, o presidente use de corrupção para conseguir que seus aliados ganhem as eleições para a Câmara e o Senado", disse a deputada Talíria Petrone (PSOL/RJ), líder do PSOL na Câmara,

Leia mais sobre a CPI da Covid no Reconta Aí.