Pular para o conteúdo principal

Servidores municipais de São Paulo se unem em ato na frente da prefeitura

Imagem
Arquivo de Imagem
Servidores protestam contra Ricardo Nunes em frente à prefeitura

Foto: Pedro Canfora / Sindsep

Servidores municipais de São Paulo protestaram na tarde desta quarta-feira (6) na frente da prefeitura de São Paulo. O motivo do protesto foi a solicitação de urgência para aprovação dos Projetos de Lei 650/21, 651/21; 653/21 e 659/21 - que trata de cargos da educação infantil, e contra a proposta de Lei Orgânica (PLO 07/21) do Sampaprev 2, na Câmara Municipal, pelo prefeito Ricardo Nunes (MDB).

De acordo com o Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo (Sindsep), o Sampaprev 2 é uma nova reforma da previdência municipal que visa aumentar a contribuição dos servidores para 14% em cima dos salários (servidores ativos, aposentados e pensionistas).

Ao mesmo tempo, mas em sentido contrário, o prefeito Ricardo Nunes busca aumentar em 46% o seu próprio salário e de seus secretários. Outra queixa dos servidores é a redução de faltas abonadas e as mudanças nas férias, entre outras medidas propostas.

Foto: Pedro Canfora / Sindsep