Pular para o conteúdo principal

Senado vota hoje (6) adiamento de declaração do Imposto de Renda

Imagem
Arquivo de Imagem
Imagem do site Recontaai.com.br

O Senado deve votar nesta terça-feira (6) o Projeto de Lei que adia para 31 de julho o prazo final para a entrega da declaração do Imposto de Renda de 2021. A proposta já foi aprovada pela Câmara.

Em 2020, a declaração do Imposto de Renda também teve seu prazo máximo adiado por conta da pandemia. A justificativa é de que contribuintes que necessitam obter documentos para a declaração podem ter dificuldades por conta de políticas que restringem a circulação em meio à pandemia.

Faça parte do nosso canal Telegram.
Siga a página do Reconta Aí no Instagram.
Siga a página do Reconta Aí no Facebook.
Adicione o WhatsApp do Reconta Aí para receber nossas informações.
Siga a página do Reconta Aí no Linkedin

A presidência do Senado convocou a sessão para 16h desta terça-feira, e incluiu o projeto na pauta. Caso seja aprovado, o tema vai à sanção presidencial. Na mesma sessão, há previsão de que outros temas sejam abordados pelos senadores.

Também relacionado à questão do Imposto de Renda, o Senado deve começar a debater um PL da oposição que confere prioridade no recebimento da restituição aos trabalhadores da área de saúde e aos contribuintes que perderam o emprego em 2020 e permanecerem desempregados no último dia de entrega da declaração.

Outra frente sobre a qual os parlamentares do Senado devem se debruçar é a questão da saúde mental. Há dois projetos que devem ser debatidos a partir desta terça-feira.

O primeiro, também da oposição, estabelece diretrizes para que o Sistema Único de Saúde (SUS) estabeleça um programa de atenção específico para a mitigação de possíveis efeitos psíquicos decorrentes das políticas de distanciamento social.

Outro estabelece um programa de ações de prevenção ao suicídio entre profissionais de segurança pública e da defesa.