Pular para o conteúdo principal

Rita Serrano vence eleições para representante dos empregados no CA da Caixa

Imagem
Arquivo de Imagem
Imagem do site Recontaai.com.br

Com mais de 80% dos votos, Maria Rita Serrano foi eleita para o segundo mandato como representante dos empregados da Caixa em seu Conselho de Administração. Rita é referência para quem defende que a Caixa continue a ser um banco 100% público.

O resultado, anunciado na noite de sexta-feira (23), foi uma vitória importante e significativa em um momento em que as empresas públicas, em especial a Caixa, vêm sofrendo constantes ameaças de privatização pelo governo federal. Rita foi eleita em primeiro turno com 81,76% dos votos.

O Conselho de Administração é a principal instância decisória do banco. Possui oito membros: o presidente do banco, seis conselheiros indicados pelo Ministério da Economia e um eleito pelos empregados.

Caixa 100% pública

Em vídeo publicado nas redes sociais, Rita Serrano aparece bastante emocionada e, além de agradecer o apoio, comenta a importância da vitória nesse momento. “Os empregados, ao participarem desse processo, disseram não ao retrocesso, à privatização. Disseram sim a um banco público, sustentável, focado no desenvolvimento do País, a melhores condições de vida e direitos. Essa é uma vitória nossa”, comemorou.

Para Sérgio Takemoto, vice-presidente da Federação e secretário de Finanças da Contraf/CUT, a vitória de Rita Serrano é uma conquista dos empregados. “A companheira Rita foi eleita com 81% dos votos válidos. Isso significa um gesto de resistência dos empregados e empregadas da Caixa, que escolheram uma representante combativa, que luta contra o projeto privatista do governo de Bolsonaro e contra a retirada de direitos. Parabenizo o apoio, a confiança e a participação de todos”, declarou.

Rita Serrano é empregada da Caixa desde 1989 e participa do CA desde 2014, quando ocupou cargo de suplente, tendo sido eleita titular em 2017. Ela foi presidente do Sindicato dos Bancários do ABC entre 2006 e 2012 e coordena, desde 2015, o Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas.

Rita Serrano agradece o apoio dos empregados da Caixa. Ela foi reeleita para o CA com mais de 80% dos votos válidos.