Pular para o conteúdo principal

Quem é Fabrício Queiroz? Ex PM é um dos pivôs do escândalo das rachadinhas da família Bolsonaro

Imagem
Arquivo de Imagem
Queiroz.png

Fabrício Queiroz é um dos pivôs do escândalo das rachadinhas.

Ex-policial militar, foi assessor de Flávio Bolsonaro quando este ainda era deputado estadual no Rio de Janeiro. Aparentemente um homem de confiança do político, passou a ser investigado após uma movimentação atípica de cerca de R$ 1,2 milhão ser detectada em sua conta corrente.

Leia também:
- STF avalia na sexta-feira (9) decisão de Barroso que suspendeu piso nacional da enfermagem
- Quem é Michelle Bolsonaro? Do esquema de rachadinha com Queiroz à defesa de corrupção no MEC

O Ministério Público suspeita que um esquema de desvio de verbas de gabinete foi articulado por Flávio e operado por Queiroz: funcionários devolviam parte dos salários e o dinheiro era "lavado" através de compras de imóveis com valores fraudados. Há a hipótese de que parte destes assessores eram o que se conhece como "funcionários fantasma".

O ex-assessor ganhou fama por ter realizado depósitos em benefício de Michelle Bolsonaro. Ele alega serem pagamentos de um empréstimo que recebeu. Ele chegou a fazer 27 depósitos para a atual primeira-dama, em um valor que chega quase a R$ 90 mil.

Queiroz conheceu Jair Bolsonaro em 1984. Sua filha "atuou" no gabinete na Câmara do atual presidente quando este era deputado federal. Apesar de ter seu ponto marcado, atuava como personal trainer no Rio de Janeiro.

Apesar das investigações e suspeitas, Queiroz foi confirmado pelo PTB como candidato a deputado estadual no Rio de Janeiro para as eleições 2022.