Reconta Aí Atualiza Aí Petroleiros do Norte Fluminense entram em greve e pedem cumprimento de regras sanitárias pela Petrobras

Petroleiros do Norte Fluminense entram em greve e pedem cumprimento de regras sanitárias pela Petrobras

políticas contra covid-19

O Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF) aprovou a deflagração de greve por tempo indeterminado, a partir do zero hora desta terça-feira (4). O sindicato representa petroleiros das plataformas da Bacia de Campos e das bases de terra.

Segundo a Federação Única dos Petroleiros (FUP), o movimento da categoria se dá em defesa da vida dos trabalhadores que estão expostos à contaminação pelo coronavírus. Em abril, mais de 500 petroleiros foram contaminados nas unidades marítimas, aponta a FUP com base em informações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A FUP destaca ainda que na Petrobras foi registrada a média semanal de 131 trabalhadores próprios infectados pela Covid-19. “A Petrobras se nega a admitir surto da doença na empresa”, ressalta a entidade tendo como base dados do Departamento de Estudos Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Com informações da FUP

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial