Pular para o conteúdo principal

Petrobras: Fernando Borges é nomeado presidente interino

Imagem
Arquivo de Imagem
Petrobras

Fernando Borges, diretor-executivo de exploração e produção, foi nomeado como presidente interino da Petrobras. Ele fica no cargo até a eleição e posse do novo presidente, como prevê o estatuto da empresa.

A nomeação veio nesta-segunda (20), logo após José Mauro Coelho pedir demissão do cargo de presidente da empresa e renunciar ao cargo de membro do Conselho de Administração da Petrobras.

Ainda em maio deste ano, o Ministério de Minas e Energia informou que o Governo Federal tinha decidido pela troca do presidente da companhia. Na época, o governo anunciou que José Mauro Coelho seria substituído por Caio Mário Paes de Andrade. 

No entanto, o novo indicado precisa ser aprovado pelo Comitê de Pessoas da Petrobras que faz a avaliação de currículo. Em seguida, ele tem que ser eleito na Assembleia Geral Ordinária da empresa. Por fim, seu nome será submetido ao Conselho de Administração da companhia, onde precisará ser aprovado.

LEIA TAMBÉM:
- Colômbia: Pré-candidatos do Brasil têm reações diferentes à eleição de Petro
- Lula: Um presidente tem que deixar o conforto de Brasília para conhecer os problemas do povo