Pular para o conteúdo principal

Orçamento 2023 é aprovado com salário mínimo de R$ 1.320

Imagem
Arquivo de Imagem
orçamento

O Congresso Nacional aprovou nesta quinta-feira (22) o Orçamento de 2023. O texto garantiu a manutenção do Bolsa Família em R$ 600 e salário mínimo de R$ 1.320. A lei agora vai à sanção presidencial.

A projeto enviado pelo governo Jair Bolsonaro (PL) previa R$ 405 e R$ 1.302, respectivamente.

Leia Mais:
- Lula anuncia mais 16 nomes para ministérios
- Com nova votação no Senado, PEC da Transição é promulgada pelo Congresso

Além destes valores, o texto ainda prevê adicional de R$ 150 por criança de até seis anos no Bolsa Família. Outro ponto é o reajuste dos vencimentos de servidores em até 9%.

Também são destaques o aumento de mais de R$ 20 bilhões no orçamento do Ministério da Saúde. Para Educação, houve adicional de cerca de R$ 11 bilhões.

Para investimentos públicos, os valores passaram dos R$ 22,4 bilhões propostos pelo governo Bolsonaro para R$ 70,4 bilhões.

Após o fim do Orçamento Secreto, decidido pelo Supremo Tribunal Federal (STF), metade do valor original - R$ 19 bilhões - será destinado a emendas individuais impositivas, e a outra para emendas de bancada não impositivas.