Pular para o conteúdo principal

Morre Jorge Hereda, ex-presidente da Caixa

Imagem
Arquivo de Imagem
Jorge Hereda

O arquiteto, gestor e ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Hereda faleceu nesta sexta-feira (9) aos 64 anos. Deixou saudade entre funcionários do Banco Público, seus colegas de gestão e seus companheiros do Partido dos Trabalhadores (PT), além de seus amigos e familiares. A causa da morte não foi divulgada.

Hereda foi responsável por dar a projetos sociais uma grande importância na Caixa Econômica Federal. Programas como Minha Casa Minha Vida e Bolsa-Família contaram com sua participação e apoio enquanto presidente da instituição, de 2005 a 2011.

Contudo, a carreira pública do arquiteto foi ainda maior. Foi secretário de Habitação do Ministério das Cidades entre 2003 e 2005; presidente da Cohab e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico no governo de Rui Costa.

A ex-presidenta Dilma Rousseff lamentou sua morte e ressaltou diversos trabalhos que Hereda desenvolveu.

Rui Costa, governador da Bahia, destacou suas qualidades humanas e seu trabalho para o estado.

No mesmo sentido, o senador Jaques Wagner (PT/BA), relembrou as qualidades do amigo pessoal e prestou condolências à família.

O deputado federal Paulo Teixeira (PT/SP) falou sobre o trabalho de Jorge Hereda à frente da Cohab em São Paulo e a gestão realizada na Caixa Econômica Federal.