Pular para o conteúdo principal

Mais um: Denúncias de assédio na Caixa derrubam vice-presidente

Imagem
Arquivo de Imagem
comte popular

Mais um executivo da Caixa Econômica Federal perdeu o cargo por conta de denúncias de assédio sexual. Na esteira de Pedro Guimarães, ex-presidente da Caixa e agora investigado pelo Ministério Público Federal por assédio contra funcionárias da instituição, Celso Leonardo Derzie de Jesus Barbosa pediu demissão do cargo de Vice-Presidente de Negócios de Atacado do banco nesta sexta-feira (1º).

Também citado nas denúncias que derrubaram o presidente da Caixa na última quarta-feira (29/6), Leonardo Barbosa era tido como o vice mais próximo de Pedro Guimarães. Negócios de Atacado é uma das 12 vice-presidências do banco.

A carta de renúncia foi entregue ainda ontem (1º) ao Conselho de Administração, que acatou o pedido, conforme comunicado de Fato Relevante publicado nesta mesma data no portal do Banco Público.