Pular para o conteúdo principal

DF: Bancários do BB definem prioridades em Congresso Distrital

Imagem
Arquivo de Imagem
Movimento-Sindical (1) (1)

Os bancários do Banco do Brasil (BB) no Distrito Federal (DF) definiram suas prioridades para 2022, tanto em relação ao acordo específico - entre eles e o Banco - quanto em relação à construção da Convenção Nacional - que envolve toda a categoria bancária e os patrões.

O eixo geral definido é o combate a programas de avaliação de desempenho e de estabelecimento de metas que levam ao esgotamento físico e mental dos trabalhadores, tendo como foco, portanto, o que entendem ser a superexploração do trabalho. O posicionamento ocorreu na sexta-feira (20), como parte do 11º Congresso Distrital dos Bancários, que continua neste sábado (21).

Leia também:
- 4 anos depois: Bolsonarista é condenado por divulgar fake news contra bancária sobre facada em Bolsonaro
- Defesa dos Empregados: 38º Conecef será realizado de 8 a 10 de junho

As atividades fazem parte do esforço preparatório da Campanha Nacional dos Bancários, que unifica toda categoria. As definições tomadas nesta sexta serão levadas à apreciação dos funcionários do Banco do Brasil em escala nacional e, da mesma forma, a toda categoria bancária.

O modelo visa garantir que os bancários tenham momentos de debate voltados para os trabalhadores de cada instituição combinados com espaços gerais. No 11º Congresso Distrital, assim, o primeiro dia foi dedicado aos debates entre funcionários de uma mesma instituição, não só do BB mas também de outros bancos. O segundo dia terá discussões entre bancários de várias instituições.

A fórmula será reproduzida em âmbito nacional.  O 33º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil acontece no dia 9 de junho e a Conferência Nacional dos Bancários será realizada entre os dias 10 e 12 de junho. O 38º Congresso Nacional dos Empregados da Caixa, da mesma forma, será realizado entre os dias 8 e 10 de junho.