Pular para o conteúdo principal

CPI da Covid ouve advogada de médicos que denunciaram a Prevent Senior

Imagem
Arquivo de Imagem
CPI da Covid 4

A CPI da Covid ouve nesta terça-feira (28) a advogada Bruna Morato, representante dos médicos que trabalharam na Prevent Senior e elaboraram um dossiê entregue à comissão com diversas denúncias sobre o tratamento da empresa aos pacientes com covid-19, inclusive com a alteração de prontuários.

O requerimento de convocação de Morato foi apresentado pelo senador Humberto Costa (PT-PE).

LEIA TAMBÉM:
- Mil dias de Inferno: Dólar nas alturas e inflação acima do teto
- Mil dias de desesperança frente ao desemprego
- Mil dias de Inferno no Meio Ambiente sob Bolsonaro

A CPI apura, a partir do dossiê dos médicos, se a operadora usou indiscriminadamente em pacientes da rede remédios sem eficácia comprovada pela ciência, como a hidroxicloroquina.

Os senadores querem saber tabém se a Prevent Senior realizou experimentos com pacientes sem autorização das famílias e da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) e se esses estudos teriam sido usados pelo Ministério da Saúde por meio do "gabinete paralelo”.

Com informações da Agência Senado