Pular para o conteúdo principal

CPI da Covid: Divulgação de áudio por Dominguetti foi absurda, diz Carvalho

Imagem
Arquivo de Imagem
CPI Covid 4

Cristiano Carvalho, representante informal da Davati Medical Supply, afirmou que a exposição do áudio do deputado Luis Miranda (DEM-DF) para a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado feita pelo cabo Dominguetti foi "absurda".

Segundo o depoente, a divulgação ocorreu por uma combinação de um "pouco de ignorância e falta de conhecimento" do policial militar mineiro. A exibição ao vivo foi "equivocada e absurda", segundo ele. "Ele foi ingênuo", complementou.

Veja também:
- CPI da Covid: Coronel intermediou negociação, diz representante da Davati
- Dominguetti apresenta suposto áudio do deputado Luis Miranda negociando vacinas

Após ter enviado o áudio, Carvalho afirmou ter se surpreendido com a atitude de Dominguetti: "Quase tive um infarto". Ainda segundo ele, assim que o áudio foi exibido, enviou uma mensagem ao policial afirmando que "esse áudio não se refere a vacinas, se refere a luvas".

Carvalho afirmou que tomou conhecimento através de Dominguetti que houve um pedido de propina por parte do "grupo do [coronel] Blanco". Entretanto, afirmou à CPI que esse tipo de exigência não chegou até ele.