Pular para o conteúdo principal

Brasileiros reclamam que aplicativo do auxílio emergencial não está funcionando

Imagem
Arquivo de Imagem
Imagem do site Recontaai.com.br

Instagram da Caixa recebeu uma enxurrada de reclamações de brasileiros que tentam acessar o aplicativo do auxílio emergencial e não conseguem

Siga a página do Reconta Aí no Instagram.

As redes sociais deram voz ao povo brasileiro. Na manhã desta quarta-feira (29), o Instagram da Caixa recebeu um mar de reclamações de pessoas que tentavam acessar o aplicativo do auxílio emergencial e se deparavam com uma tela branca.

O aplicativo é a opção dada pelo Governo Federal para que trabalhadores informais e autônomos – que não estão incluídos no Cadastro Único – possam solicitar os R$ 600. Além disso, é pelo aplicativo que as pessoas acompanham a situação do cadastro.

Siga a página do Reconta aí no Facebook.
Adicione o Whatsapp do Reconta Aí para receber nossas informações.

Leia também:
– Auxílio emergencial: Governo Federal congela pagamento da segunda parcela
– Filas em agências da Caixa colocam em risco empregados e população
– Auxílio emergencial: Brasileiros relatam dificuldades com o aplicativo Caixa Tem

Brasileiros estão sem informações e precisando desesperadamente dos R$ 600 para colocar comida dentro de casa. Milhares estão com cadastro em análise desde o dia 7 de abril e os canais digitais da Caixa não ajudam a população a resolver as questões ou tirar dúvidas.

O Banco Público segue divulgando o calendário de pagamento da primeira parcela, mas não mostra nenhuma solução para os problemas de cadastro dos brasileiros.

aplicativoaplicativo

Aplicativo Caixa Tem não funciona

Para os que conseguiram passar da fase de análise e tiveram o auxílio emergencial aprovado, a batalha seguinte é conseguir acessar o aplicativo Caixa Tem. O aplicativo é usado para pagamento do cidadão por meio da Poupança Social Digital da Caixa.

As reclamações vão desde o acesso ao aplicativo até a transferência do dinheiro para outra conta bancária. Para piorar a situação, as pessoas que vão sacar o dinheiro precisam de um código que só é liberado pelo Caixa Tem. Com esse código é possível sacar em caixas eletrônicos e casas lotéricas.

Recebem o dinheiro dessa forma os inscritos no Cadastro Único – não recebem Bolsa Família – e não têm conta bancária ou poupança no Banco do Brasil e Caixa. Também vão receber pela Poupança Social Digital da Caixa os trabalhadores que se inscreveram para receber o auxílio emergencial e optaram pela opção de criar uma poupança digital.