Pular para o conteúdo principal

Boletim Focus: Mercado financeiro eleva projeção da inflação pela 11ª semana

Imagem
Arquivo de Imagem
inflação

Os agentes do mercado financeiro consultados pelo Banco Central para a formulação do Boletim Focus aumentaram pela 11ª semana consecutiva sua previsão para a inflação de 2022. O documento foi divulgado, como usualmente, nesta segunda-feira (28).

Na semana passada, o Focus apontava a expectativa de que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumularia alta de 6,59% ao final do ano. Nesta semana, a projeção passou para 6,86%.

Apesar de aumentar sua previsão para a inflação, o Focus aponta que o mercado não espera, neste momento, uma alta da taxa Selic, mantendo-se a projeção da semana passada, de 13%.

Da mesma forma, a projeção para o crescimento do PIB se manteve estável, em 0,5%.

Leia também:
- Banco Central eleva projeção da inflação de 2022
- Valores a receber: Nova rodada de saques começa nesta segunda-feira (28)

A projeção do mercado financeiro para a inflação do ano de 2023 é também negativa. Na semana passada, a inflação oficial projetada para o ano era de 3,75%. Agora é de 3,80% - sendo a 3ª semana consecutiva com piora. A projeção para o PIB foi mantida, em 1,30%. Neste cenário, a expectativa sobre a taxa básica de juros permaneceu no patamar de 9% ao ano.

A publicação do Boletim Focus, realizada tradicionalmente às segunda-feiras, atrasou em algumas horas. Segundo relatos, as mobilizações de servidores públicos do Banco Central afetaram a publicação. Usualmente divulgado às 8h25, o Boletim Focus foi apresentado por volta das 10h. É a 2ª semana em que o atraso ocorre.