O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB/MA), esteve no lançamento da proposta de Reforma Tributária Justa, Solidária e Sustentável ontem (8), em Brasília

Flávio Dino fala da necessidade de uma Reforma Tributária que conjugue justiça social à simplificação dos impostos.
Foto Lula Marques

Simplificação e justiça social é o que o governador do estado Maranhão espera de uma reforma tributária. Presente no evento de lançamento da Reforma Tributária Justa, Solidária e Sustentável, que ocorreu na tarde desta terça-feira (08) na Câmara dos Deputados, Flávio Dino apoia a proposta. Em sua fala no evento, o governador ressaltou que a reforma tributária deve ter caráter simplificador e progressivo.

A progressividade da reforma tributária está assegurada na Constituição Federal, na esfera da União e também dos municípios. Esse conceito pode ser explicado de maneira simples: quem tem mais paga mais. Ou seja, a progressividade estabelece que os impostos devem onerar mais aquele que dispuser de mais capital.

“É preciso que os milionários e milionárias tenham uma tributação mais condizente com a média internacional”, disse, enfático. Segundo ele, esse é um fator que garante a justiça fiscal e tira dos mais pobres e da classe média o peso da tributação.

O governador ressaltou ainda que, neste momento, o que o País mais precisa é de crescimento econômico e geração de empregos.

Acompanhe o comentário exclusivo que o governador fez ao Reconta Aí.