Em agosto, Paulo Guedes anunciou a privatização de 17 empresas públicas até o fim de 2019. No entanto, em entrevista dada ao Valor Econômico no dia 09 de setembro, o ministro já disse que quer “privatizar todas as estatais” antes que o mandato de Bolsonaro termine.


Porém, pesquisa Datafolha realizada em 29 e 30 de agosto mostra que a maior parte da população é contra as privatizações. Apenas 25% apoiam a medida, contra 67% que são contrárias. 6% declararam não saber e 2% são indiferentes.


Os pesquisadores também falaram especificamente dos Correios, Bancos Públicos e Petrobras. 60% dos entrevistados é contra a venda dos Correios (30% a favor); 65% é contra a privatização dos bancos públicos (29% a favor) e 65% contra a venda da Petrobras (27% a favor). Os demais não souberam responder ou são indiferentes.


A pesquisa ainda mostra que a aprovação das privatizações é mais alta entre homens (32%), pessoas com ensino superior (38%), com renda acima de dez salários mínimos (50%) e empresários (51%).


O Datafolha ouviu 2.878 pessoas em 175 municípios de todas as regiões do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é 95%.