No próximo dia 4 de setembro, será lançada a Frente Parlamentar em Defesa da Soberania Nacional. Por meio de um seminário, a frente informará aos parlamentares e à população sobre as principais questões relativas ao patrimônio público, à produção científica e às riquezas naturais do Brasil.

Soberania Nacional em pauta na Câmara dos Deputados.

O seminário na Câmara dos Deputados será realizado entre 4 e 5 de setembro na cidade de Brasília. Na pauta, as áreas mais importantes para a defesa do Brasil, que vão desde o seu patrimônio natural até à produção científica e o desenvolvimento de novas tecnologias. O evento será realizado no auditório Nereu Ramos, com entrada livre, respeitando a capacidade do auditório e ingresso liberado mediante a apresentação de documento com foto.

Soberania , segundo a definição obtida no dicionário de política de Norberto Bobbio, é um acordo jurídico que define quem é legitimamente dono do poder. No caso de um país, como o Brasil, fala-se em soberania nacional.

Para assegurar a sua situação dono do poder, o estado é responsável não só pelas relações diplomáticas com outros países, mas também é a instância de relacionamento entre os cidadãos. Ou seja, o estado media as relações internas entre os indivíduos, e também sua posição no mundo com as outras nações.

O seminário terá discussões por eixos, com aprofundamento em algumas áreas:

  • Desenvolvimento Econômico;
  • Ambiental: Amazônia, Biodiversidade, Mineração e Água;
  • Ciência, Tecnologia e Educação.

Os temas serão apresentados por especialistas, trabalhadores das áreas e movimentos sociais.

Sobreania Nacional em pauta, veja a programação

4 de setembro

9h – Ato político em defesa da soberania nacional

11h30 – Desenvolvimento Econômico e Soberania Nacional 

14h30 – Privatizações: Bancos, Previdência, Correios, Eletrobrás e Petrobrás 

5 de setembro

9h – Ambiental: Amazônia, Biodiversidade, Mineração e Água

10h30 – Ciência Tecnologia e Educação.

14h – Aprovação do Manifesto em Defesa da Soberania Nacional

Encaminhamentos práticos para a construção de um Movimento Nacional em Defesa da Soberania.