Está em alta no Nordeste brasileiro a implantação de energia solar nas residências. O Banco do Nordeste já investiu R$ 27,2 milhões apenas em 2019.

Imagem: Jorge Luiz Ribas

O Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) está possibilitando que pessoas físicas de todo o Nordeste do Brasil possam solicitar financiamentos para transformar o abastecimento de energia elétrica das suas casas.

Limpa, renovável e abundante, a energia solar é sustentável não só para o planeta mas também para o bolso: a economia na conta de energia pode chegar à até 90%. O engenheiro eletricista Miguel Alan da Silva, residente em Teresina, Piauí, afirma: “Com o dinheiro da economia, posso realizar novos investimentos e até pagar o custo do financiamento”.

FNE Sol Pessoa Física garante a energia solar

Paineis de energia solar, ou fotovoltaica.
Foto: Francisco Araújo _ Center Bike

O nome do financiamento já diz a que veio – FNE Sol Pessoa Física. Ele garante condições vantajosas para os que querem mudar a matriz energética de suas residências, colaborando com o planeta.

São até R$100 mil que podem ser pagos em até 8 anos, com a possibilidade inclusive de não aumentar os custos fixos dos que pedem o financiamento, já que assim que são instalados os equipamentos já geram redução na conta de luz.

A carência do empréstimo é de até seis meses e o Banco do Nordeste financia até 100% do investimento. As taxas de juros cobradas começam 0,39% ao mês, e em empréstimos abaixo dos R$50 mil. A garantia são os próprios equipamentos de energia solar.

Veja as vantagens e desvantagens da Energia Solar

VANTAGENS

  • Não polui ao ser utilizado. A poluição resultante da fabricação dos equipamentos necessários para a construção dos painéis solares é inteiramente controlável usando as formas de controle existentes hoje em dia;
  • As centrais de painéis solares necessitam de manutenção mínima;
  • Os painéis solares tornam-se cada vez mais potentes, ao mesmo tempo que seu custo vem diminuindo. Isso torna a energia solar uma solução economicamente viável;
  • A energia solar é excelente em lugares remotos ou de difícil acesso, pois sua instalação em pequena escala não obriga a enormes investimentos em linhas de transmissão;
  •  Em países tropicais, como o Brasil, a utilização da energia solar é viável em praticamente todo o território, e nos locais longe dos centros de produção energética sua utilização ajuda a reduzir a perda de energia que ocorreria na transmissão.

DESVANTAGENS

  • As formas de armazenamento da energia solar são pouco eficientes quando comparadas por exemplo aos combustíveis fósseis (carvão, petróleo e gás), e a energia hidroelétrica (água);
  •  Os painéis solares têm um rendimento de apenas 25%, apesar deste valor ter aumentado ao longo dos anos, podendo futuramente ocorrer um rendimento maior. 

Com informações da COSOL.