Pular para o conteúdo principal

13º dos aposentados: INSS inicia pagamento da 1ª parcela nesta segunda (25)

Imagem
Arquivo de Imagem
aposentados

Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) começa a pagar nesta segunda-feira (25) a primeira parcela do 13º dos aposentados e pensionistas da Previdência Social. Ao todo, 31,6 milhões de beneficiários vão receber o dinheiro, somando R$ 56,7 bilhões injetados na economia.

O valor da primeira parcela será liberado ao beneficiário no pagamento de abril, creditado na conta entre 25 de abril e 6 de maio. Já a segunda parcela será junto com o pagamento de maio, caindo na conta entre 25 de maio e 7 de junho. O calendário segue o número final do benefício do cidadão, de acordo com o INSS.

Acompanhe abaixo o calendário:

Para quem ganha um salário mínimo, o dinheiro da primeira parcela estará disponível a partir do dia 25 de abril. Mas os que recebem mais que um salário mínimo, o valor será creditado a partir de 2 de maio. Já a segunda parcela será creditada a partir do dia 25 de maio - para quem ganha um salário mínimo - e a partir do dia 1º de junho - para quem recebe mais que um salário.

De acordo com a Previdência Social, os beneficiários já podem consultar o valor que irá receber no site Meu INSS (clicando aqui) ou pelo aplicativo. O primeiro pagamento corresponde a 50% do valor do benefício, sem nenhum desconto. Entretanto, a segunda parcela poderá ter desconto do imposto de renda, de acordo com tabela da Receita Federal.

LEIA TAMBÉM:
Eleições 2022: Veja como tirar o primeiro título de eleitor pela internet
Eleições 2022: Como transferir o título de eleitor pela internet
Eleições 2022: Como regularizar o título de eleitor sem sair de casa

Além dos aposentados e pensionistas, outros beneficiários do INSS também vão receber o pagamento. São pessoas que recebem pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão e salário-maternidade.

Atenção! O pagamento das parcelas de 2022 foi adiantado, assim como aconteceu em 2020 e 2021. A medida foi anunciada dia 17 de março. Dessa forma, no fim do ano, os beneficiários do INSS não poderão contar com nenhum valor referente a 13º.