Nesta segunda, 24, em entrevista coletiva para apresentar o balanço trimestral dos números da Caixa Econômica Federal, o presidente Pedro Guimarães anunciou que pretende abrir o capital de quatro subsidiárias do Banco – Caixa Asset, Caixa Cartões, Caixa Loteria e Caixa Seguridade.

Conversamos com Maria Fernanda Coelho, ex-presidenta da Caixa Econômica, para saber o que ela pensa dessas ações. Maria Fernanda mostra preocupação com essas medidas de desidratação do Banco, principalmente no que diz respeito às Loterias. Muita gente não sabe, mas em 2018 foram destinados R$ 6,5 bilhões em repasses das Loterias para a Educação, a Cultura, a Seguridade Social e a Segurança. Só para a educação foram destinados R$ 730 milhões, já que os prêmios não resgatados depois de 90 dias também vão para o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES). Ou seja, a venda dessas subsidiárias trará impacto negativo para todo mundo. Veja a seguir:

Maria Fernanda Coelho, ex-presidenta da Caixa Econômica Federal